Abaixo-Assinado (#4992):

Manifesto pela “Liberdade da Escolha Consciente de Camas de Bronzeamento”:

Destinatário: gerencia@bronzeamento.com.br


DEFENDEMOS:
- o direito à liberdade da escolha de camas de bronzeamento como alternativa à exposição direta ao sol.
- o direito de receber o esclarecimento adequado dos riscos, benefícios e procedimentos de segurança, assim como um serviço seguro e de qualidade.

CONCLAMAMOS:
- todos a aderir à esta campanha de recolhimento de 5.000 assinaturas para sensibilizar a ANVISA e órgãos da saúde que revejam suas políticas e regulamentações, a fim de garantir um tratamento digno, equilibrado e adequado aos usuários e profissionais da atividade.

ALERTAMOS QUE:
- o ultravioleta está presente no sol e nas camas de bronzeamento, não existindo evidência que estas, bem produzidas e operadas, sejam mais perigosas que o sol.
- normas técnicas internacionais definem os limites da irradiação e requisitos de segurança para fabricação e uso das camas de bronzeamento.
- somente as pessoas que se expõe excessivamente, sem os devidos cuidados ou que tenham predisposição genética estão no grupo de risco do câncer de pele. Para as pessoas em geral a utilização moderada apresenta riscos mínimos.
- exposições freqüentes ou intensas provocam o envelhecimento precoce da pele.
- pequenas exposições semanais ao sol ou em camas de bronzeamento mantém os níveis adequados de vitamina D e uma massa óssea forte, o que é um seguro contra a osteoporose na idade avançada.
- a importância dos benefícios da exposição regular ao ultravioleta são bem maiores do que sua carência. A cada 100.000 brasileiros, 3 pessoas desenvolverão câncer de pele melanoma por ano, enquanto 20.000 pessoas sofrerão fraturas por causa da osteoporose na vida. A exposição regular ao ultravioleta ao longo da vida é um seguro contra a osteoporose na idade avançada.

DENUNCIAMOS:
- o lobby de indústrias anti-sol e anti-ultravioleta, que aumentam a venda de seus produtos e serviços amedrontando as pessoas, e incutindo a idéia que toda exposição ao ultravioleta, ao sol e às camas de bronzeamento, é prejudicial.
- os autores das mensagens sobre exposição ao ultravioleta que exageram nos riscos e os que omitem os benefícios, e os que atribuem às camas de bronzeamento riscos maiores que da exposição direta ao sol.
- os maus profissionais da atividade que não alertam devidamente os riscos e nem orientam a execução dos procedimentos de segurança definidos nas normas.

SUGERIMOS:
- que os agentes reguladores da saúde pesem melhor os riscos e benefícios da atividade, e com base no amplo conhecimento de suas características e normas de segurança, revejam políticas e regulamentação viável, objetiva e equilibrada.
- que os agentes da saúde fiscalizadores recebam melhor capacitação para o controle de conformidade da atividade.

EXIGIMOS:
- uma sociedade consciente dos riscos, benefícios e procedimentos de segurança da exposição ultravioleta, seja ao sol ou em camas de bronzeamento, livre para exercer seu direito de escolher das alternativas mais benéficas para si.
- que todos estejam livres de maus profissionais da atividade de bronzeamento, e que os usuários recebam um serviço com segurança e qualidade.
- a responsabilização de todos que difamarem a atividade de bronzeamento, exagerarem na informação dos riscos e omitirem os benefícios inerentes.


EU APOIO E VOTO NO MANIFESTO


Dados adicionais:

  • criado em 2009-09-15.
  • 172 assinaturas
  • 5172 visualizações
  • autor: Associação Brasileira dos Profissionais do Bronzeamento
  • comunidade: Profissionais e Usuários da Atividade de Bronzeamento
  • categoria: Cultura
  • Site: http://www.bronzeamentoprofissional.com

Compartilhar:

Share