Abaixo-Assinado (#7204):

Dois pesos e a medida do Estadão: manifesto de perplexidade diante do afastamento de Maria Rita Kehl

Destinatário: O Estado de São Paulo

É com espanto, tristeza e indignação que recebemos a notícia de que a psicanalista e escritora Maria Rita Kehl foi afastada de O Estado de S.Paulo, devido ao texto “Dois pesos...”, publicado em sua coluna no último sábado, 2/10/10 (clique http://www.estadao.com.br/estadaodehoje/20101002/not_imp618576,0.php para ver o texto completo).
Consideramos perigoso e estarrecedor que um órgão de imprensa importante como o Estadão, com 135 anos de lutas em prol da liberdade democrática (como ele próprio assinalou em seu editorial de 26/09), um jornal avesso à censura por história e tradição (como ficou demonstrado nos anos da ditadura militar), que este mesmo jornal se sinta hoje à vontade para afastar um de seus colaboradores apenas por manifestar opiniões que desagradam à sua direção.
Com essa atitude, O Estado de S. Paulo vai contra a sua política de praticar a diversidade de opinião e viola os valores básicos que fundamentaram a sua criação.
O que será colocado no lugar do texto da colunista? Os Lusíadas? Receitas de bolo?
Pedimos aos diretores de O Estado de S.Paulo que reflitam sobre essa atitude autoritária, que nega a seus leitores o livre-arbítrio de decidir se concordam ou não com as ideias contidas num artigo assinado, como acontece com frequencia com os de Maria Rita Kehl...
Com o afastamento da colunista, perdem os leitores, o Estadão, a democracia e o país.

Para aderir a esse pronunciamento, clique no link acima do texto.

Assine este abaixo-assinado

Dados adicionais:


Por que você está assinando?


Sobre nós

O AbaixoAssinado.Org é um serviço público de disponibilização gratúita de abaixo-assinados.
A responsabilidade dos conteúdos veiculados são de inteira responsabilidade de seus autores.
Dúvidas, sugestões, etc? Faça Contato.